abr 072014
 

 

Depois de tantas tentativas, aconteceu o encontro casual que ele tanto almejava. Ele a viu de longe, mas fez de conta que não. Ela passou de cabeça baixa, segurando um pacote; ele deu a volta e então se deram de frente. Sorrisos tímidos de ambos os lados. Coube a ela quebrar o gelo:

– Oi, tudo bem? Que surpresa!

– Oi! Surpresa te ver também – mentiu ele. Você está bem? Mudou o cabelo…

– Pois é, mudei a cor, você gostou?

Ele achou feio aquele tom do cabelo entre o amarelo e o alaranjado.

– Sim, ficou bom. O que você tem feito? Está estudando?

Ela deu outro sorriso curto. As coisas não estavam acontecendo como tinha planejado:

– Ah, tenho feito tanta coisa, não tenho tempo pra mais nada, só trabalho. Dei até um tempo nos estudos, mais pra frente eu retomo. Bom, preciso ir. Foi bom te ver.

– Foi bom te ver também. Quando quiser conversar, me ligue.

– Pode deixar, eu ligo sim. Beijos.

Mil anos se passaram, e ela nunca ligou.

 

mar 132014
 

.

De repente você ouve uma música, acha fantástica, vai saber de quem é e descobre que é do Led Zeppelin.
Aí você sente vergonha por não conhecer o repertório de uma banda tão importante e a única coisa que resta a fazer é comprar todos os discos que encontrar.
Esta é a canção:

 

)

 

Happiness, no longer sad
Happiness, I’m glad

.