maio 032013
 

 

Eu tentei escrever uma crônica sobre o jogo do São Paulo que ontem fui ver no Morumbi, mas não consegui terminá-la. Assim como a partida, o começo foi promissor, mas de repente o texto empacou e o resultado foi decepcionante.

***

Tem uma história que eu queria contar sobre um cara que começou a odiar um carro por causa de uma desilusão, mas ainda não consegui arrumar um final satisfatório, não sei se o desfecho deve ser feliz, melancólico ou esperançoso. O texto continua como rascunho, de vez em quando volto nele e remexo em tudo, mas o resultado ainda não me agrada então eu volto a salvá-lo para em outro dia começar tudo de novo.

***

Sou a favor da redução da maioridade penal, mas acho que implantar tal medida agora traria mais problemas do que soluções. Tentei explicar em um texto que existem outras questões mais importantes a serem tratadas com urgência, e que na verdade a discussão atual apenas tem servido para esconder a ineficácia e ineficiência de nossas autoridades, mas está difícil arranjar os pensamentos de forma coerente.

***

Fiz uma montagem, brincando com uma música que tem feito sucesso, mas o resultado ficou tão ridículo que estou com vergonha de publicar. Se depois de tudo o que já postei eu não tive coragem de colocar essa montagem no blog, imagine então como isso ficou ruim.

***

A minha falta de inspiração é tão grande que a melhor ideia que tive foi escrever sobre minha falta de inspiração…