jun 022014
 

 

xmendiasposternovo

.

Eu já contei que comecei a ler quadrinhos por causa dos Batmans de Frank Miller (O CAVALEIRO DAS TREVAS e ANO UM), e que entre outras obras, me tornei fã dos trabalhos de Claremont e Birne.
Foi essa dupla que alavancou os X-MEN e criou a saga DIAS DE UM FUTURO ESQUECIDO, que serviu como inspiração para o mais novo filme do grupo de super-heróis mutantes. Um bom filme, diga-se.
Li a saga dos X-MEN em pedaços: a história já tinha sido publicada no Brasil pela Abril, na revista Superaventuras Marvel, e eu comprava em um sebo cada edição que encontrava para formar a minha coleção – que tenho até hoje.

 

sam dias-de-um-futuro-esquecido

 

O filme traz várias modificações à história original – nela, é a consciência de Kitty Pride que volta ao passado, e Wolverine morre em um a cena clássica – mas a essência está lá: os mutantes são dizimados no futuro, e para sobreviver é necessário impedir o evento que dá início à ativação dos Sentinelas, robôs que caçam aqueles que são diferentes dos humanos “normais”.

 

wolverine sentinela

.

O grande mote das aventuras dos X-MEN sempre foi a luta contra a rejeição e o preconceito, e uma boa história que explora bem isso é O CONFLITO DE UMA RAÇA, lançada na série Graphic Novel também da Abril, e que traz o personagem Willian Stryker bem diferente daquele que é mostrado no cinema.
O filmes dos X-MEN são quase todos bons. A exceção é X-MEN ORIGENS: WOLVERINE, que apesar de um bom material como inspiração (as hq’s ARMA X e ORIGEM) é um filme beeeeem fraquinho, tanto que nem me animei a ver WOLVERINE: IMORTAL.
Os X-MEN eu conheci quando já estava na adolescência. Na minha infância eu tive contato com o X-MAN, que não tinha nada a ver com quadrinhos ou mutantes.

 

x man censurado.

X-MAN era um jogo do videogame Atari, um dos poucos lançados com, hmmm, conteúdo adulto. Na verdade, era um game de sacanagem, aonde um homenzinho andava com seus pixels eretos através de um labirinto, fugindo de dentaduras e tesouras, para chegar até uma mulher e praticar sexo com ela. Sim, era sexo explícito (tanto quanto possível para a época), e a molecada se divertia com aquilo por uns 5 minutos, pois depois de conseguir todas as posições o jogo perdia completamente a graça.

O game só servia para dar uma (jogada) rapidinha.

 

.

.

 Leave a Reply

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

(required)

(required)

Loading Facebook Comments ...

Warning: require_once(/home/rebostej/public_html/wp-content/plugins/gplus-comments/includes/templates/partials/.php) [function.require-once]: failed to open stream: No such file or directory in /home/rebostej/public_html/wp-content/plugins/gplus-comments/includes/templates/container.php on line 103

Fatal error: require_once() [function.require]: Failed opening required '/home/rebostej/public_html/wp-content/plugins/gplus-comments/includes/templates/partials/.php' (include_path='.:/usr/lib/php:/usr/local/lib/php') in /home/rebostej/public_html/wp-content/plugins/gplus-comments/includes/templates/container.php on line 103